Notícias Chile: Qualidade dos blueberries são fundamentais para exportar para os EUA

Em conversa com a SimFRUT, o diretor de desenvolvimento de negócios da Sun Belle INC, destacou a qualidade do produto chileno e como o consumo de blueberries nos EUA é tradicional, a demanda poderia ser impulsionada ainda mais com bons programas de promoção.

Os Estados Unidos são o maior produtor de blueberries do mundo. Segundo dados do Departamento de Agricultura dos EUA, em 2014, eles produziram mais de 257 mil toneladas. O mercado americano é o principal consumidor mundial desta fruta, com um consumo per capita estimado em 1.23 kg anual, quantidade muito maior do que o 0.80 kg registrado cinco anos atrás.

O Chile é o principal fornecedor da fruta, seguido pelo Canadá. Juntos, os dois países representam 70% de todo o blueberry importado pelos EUA, e o produto chileno fresco conta com mais de 44% do mercado.

A empresa Sun Belle INC é o segundo fornecedor mais importante de blueberry no mercado dos EUA, chegando a mais de 5 mil toneladas da fruta fresca e um crescimento de cerca de 6% entre 2015-2016.

Segundo o diretor da Sun Belle, Kenneth Hopps, o consumo de blueberry nos EUA está em alta. “O consumo per capita segue subindo ano após anos a medida que vamos conhecendo mais os benefícios para a saúde desta fruta, assim como seus diferentes usos. Por tudo isso, existe uma forte demanda nos 12 meses do ano”.

E quanto as vantagens do Chile durante a temporada do Hemisfério Sul, Hopps disse: “Chile tem bons volumes da fruta, assim como variedades que tem grande aceitação no mercado, como é o highbush. Com os grandes volumes do Chile, podemos fazer bons programas e promoções, que desenvolvemos com todos os nosso clientes do varejo”.

Consumo nos EUA

O consumo de blueberries nos EUA é tradicional, e boas campanhas de marketing e promoção podem incidir de maneira importante no aumento do consumo.

Segundo dados do Departamento de Agricultura dos EUA, nos últimos 10 anos, o consumo per capita de blueberries nos EUA aumentou quase 200%, sendo os maiores mercados para a fruta os Estados da Califórnia, Texas, Nova York, Flórida e Illinois, representando 37% de todo o mercado.

O varejo é o principal canal de distribuição da fruta, com 57% do mercado, seguido pelo food service, com 41%, e a venda direta fica com 2%.

Fonte: SimFRUT


Categorias:

Curiosidades | Diversos | Internacional

Exibir comentários +

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.