Notícias EUA: um bom inverno pode significar uma produção saudável em Nova Jersey

Apesar de ainda ser cedo, alguns produtores no estado de Nova Jersey estão de olho numa colheita saudável para a próxima temporada.

“Parece que a safra será maior do que no ano passado”, diz Tom Consalo, de Consalo Family Farms, em Egg Harbor City, Nova Jersey. “No ano passado, estávamos em baixa um pouco, mas este ano parece ser melhor. Mesmo com um ano normal, estamos olhando para uma safra bem produtiva”.

A cenário otimista para blueberries vem graças ao tipo de inverno que os produtores de Nova Jersey tiveram. “Nada foi devastadoramente frio para causar qualquer tipo de problema, então, uma vez que a polinização siga o caminho que esperamos e tenhamos alguns dias claros durante a primavera, tudo crê que será produzido um pouco mais do que o normal”, diz Consalo, cujas principais commodities incluem blueberries e pêssegos, embora a empresa tenha mais de 100 itens.

Fatores competitivos

Como qualquer produtor sabe, o clima pode ser amigo ou adversário e isto também afeta quem Consalo e outros produtores do estado vêem como concorrência. “Sempre tivemos algumas sobreposições da Carolina do Norte, da Geórgia e, mais recentemente, da Colúmbia Britânica”, diz ele. “Como há mais variedades em desenvolvimento em alguns desses outros estados, Georgia, Carolina e C.B. são os nossos principais competidores do ponto de vista local. ”A maior parte dessa concorrência são as temperaturas frias que os estados do sul experimentaram nos últimos anos, mas também o fluxo de investimento e produção visto ao norte da fronteira na Colúmbia Britânica. “CB é quase uma reminiscência da Geórgia na maneira como eles foram e plantaram”, acrescenta Consalo. No entanto, Consalo acrescenta que a Consalo Family Farms também tem frutas das áreas concorrentes para manter o fornecimento, embora se concentre em comercializar sua safra.

Olhando para a temporada, Consalo tomou medidas para se manter competitivo com os maiores produtores que chegaram à região e isso inclui acompanhar o timing de commodities em outras regiões em crescimento e avançar nas tendências de embalagem. “E estamos nos envolvendo mais com os blueberries e vegetais orgânicos”, diz ele. “Não há muita coisa de orgânicos em Nova Jersey, então estamos tentando colocar mais e mais áreas a cada ano.”

Problema com rastreamento

Outras questões que continuam preocupando os produtores na região incluem a decisão da Administração Federal de Segurança de Veículos Automotores, que veio no final do ano passado, de que os caminhões precisam carregar dispositivos de registro eletrônico (ELDs). “A questão permanece e continuará sendo um fator certo”, diz Consalo. “Foi muito drástico quando foi colocado em prática pela primeira vez em janeiro, mas também nos tornamos um pouco mais instruídos sobre o assunto”.

Fonte: Fresh Plaza


Categoria:

Internacional

Exibir comentários +

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.