É antigo mas é novo

The Berry Latest - Edição Jul-Ago-Set

Edição JUL/2017 — AGO/2017


Tom PayneCom a Geração Y buscando por produtos melhores e mais genuínos, o que pode ser melhor do que blueberries de verdade?

O Blueberry Guy revirou os arquivos antigos e encontrou essas maravilhosas receitas da década de 1960 – com muitos blueberries, ingredientes simples e produção cuidadosa!

Aproveite!

Tom Payne

Consultor USHBC


muffinsOs blueberries highbush conectam o passado e o presente

O blueberry é apreciado em todo o mundo!

Pergunte a seus amigos e eles com certeza vão mencionar algum prato familiar favorito, seja muffin de blueberry, panqueca de blueberry, smoothie de blueberry, torta de blueberry, geleia caseira de blueberry…

Os americanos valorizam a fruta desde a época em que caçavam e se reuniam para comer. Hoje o uso de blueberries se expandiu graças à produção comercial, que fez com a disponibilidade fosse uma realidade a todos.

Blueberries de verdade no mercado

Há 100 anos, a indústria comercial de blueberry highbush nasceu graças a visão e dedicação da fazendeira Elizabeth White e do horticultor do USDA, Frederik Coville. Isso foi o início das oportunidades com a fruta. O uso do blueberry highbush se expandiu drasticamente graças a essa dupla pioneira, e hoje essa indústria atravessa todo os EUA em mais de 30 Estados.

De Nova Jersey para o mundo!

O fenômeno começou com os blueberries highbush de Nova Jersey. O primeiro embarque comercial foi em 1916 e totalizou 600 kg da fruta. Hoje, a América do Norte (EUA, Canadá e México) produzem próximo de 500 mil toneladas de blueberries anualmente.

Os primeiros povos

Os nativos americanos usavam blueberries desidratados em guisados, sopas e carnes. Quase 200 anos depois, no início dos anos 1800, quando a expedição de Lewis e Clarck começou na região Noroeste, uma de suas primeiras refeições na jornada eram feitos com carne de veado curada com uma pasta de blueberries que eram colocadas na carne para então ser defumada.

jellyFeliz Dia de Ação de Graças!

Os blueberries sempre fizeram parte dos alimentos dos primeiros nativos americanos. E quando os exploradores e colonos chegaram, eles aprenderem a usar a fruta com essas tribos.

Em 1616, o explorador francês Samuel de Champlain encontrou índios americanos perto do Lago Huron juntando blueberries para o inverno. “Depois de secar as frutas no sol, os índios as socavam até virar pó, e os adicionavam em um prato chamado Sautauthig. E era delicioso”, escreveu ele em seu diário. Este simples pudim é feito tipicamente com blueberries e milho secos e triturados, e água. O uso de blueberries na pasta de milho foi adotado pelos colonos que adicionaram leite, manteiga e açúcar quando disponíveis. Hoje o conceito de combinar blueberries com cereais quentes faz parte de um café da manhã popular e gratificante.

Os Peregrinos, que chegaram em Plymouth Rock nas margens da América em 1620, foram recebidos pelos habitantes com uma cesta de vime cheio de blueberries desidratados. A história conta que esses presentes de alimentos, incluindo os blueberries, ajudaram esses grupos a sobrevirem ao inverno rigoroso.

Tradições familiares

Os blueberries evocam memórias de tempos felizes como uma reunião familiar, visita às fazenda para o Colha&Pague direto dos arbustos, o cheiro delicioso na cozinha da Vó quando ela faz os quitutes com blueberries… As receitas ainda escritas à mão, que geralmente estão manchadas e com os cantos amassados com o uso dos anos, identificam os favoritos com blueberries. Algumas dessas receitas foram herdadas e outras foram criadas do zero. Algumas são compartilhadas pelos amigos e outras foram evoluindo conforme a temporada da fruta.


Receitas centenárias!

Nos anos de 1900, muitas receitas populares com blueberries tinham nomes um tanto peculiares – talvez um reflexo da época.

Aqui estão algumas iguarias desse tempo.

Pandowdy

Sobremesa de prato fundo, pode ser feita com uma variedade de frutas, mas muito saborosa com blueberries e um pouco de melaço ou açúcar mascavo. A cobertura é tipo um biscoito, que se quebra durante o cozimento e puxa pra baixo as frutas permitindo que o suco penetre na massa. Algumas vezes a crosta fica em baixo e a sobremesa é invertida antes de servir. A origem exata do nome Pandowdy é desconhecida, mas acreditam que esteja relacionado a aparência dos desertos planos (plain) e deselegantes (dowdy).

Boy Bait de Blueberry  (Boy = rapaz // Bait = isca)

Este é um bolo de café vintage dos anos de 1920 com muito blueberry. Há rumores que esse bolo ajudou a enganar um marido…

Em 1954, a história conta sobre uma adolescente de Chicago que levou sua receita de Boy Bait de Blueberry no Concurso Pillsbury Recipe and Baking (precursor do Pillsbury Bake-Off de hoje). O concurso naquele ano foi realizado na cidade de Nova York, apresentado pelo Arthur Godfrey. Recebeu este nome em homenagem ao poder do sexo oposto, já que a receita levou o segundo lugar na categoria juvenil. O segredo: jogar uma quantidade generosa de blueberries em cima da massa do bolo antes de assar e deixar que o suco faça a mágica!

Grunts ou Slump de Blueberry (Grunts = grunhido // Slump = queda, crise)

É um cobbler de blueberry, também chamado de Grunt ou Slump na Nova Inglaterra. Geralmente cozido no fogão e não no forno. Em algumas partes na Nova Inglaterra, é um pudim cozido no vapor com berries.

Crumble ou Buckle de Blueberry

Este é um tipo de bolo de blueberry feito com uma camada de blueberry adicionado à massa. A cobertura é similar a um streusel, que dá uma aparência de um crumble ou buckle (similar a cuca brasileira)

 

 

traditional recipes

 

Receitas tradicionais geram novos produtos

Hoje a inovação com blueberries continua com uma variedade de formatos disponíveis para a indústria de alimentos (congelado, concentrado, desidratado inteiro, em pedaços, em pó). Os tradicionais muffin, torta, geleia de blueberry… tem se expandido com muito mais opções, ingredientes e tendências, como os grãos integrais e opções sem glúten. Mas um elemento que não mudou é o uso de blueberries de verdade, que faz com que esses produtos sejam especialmente gostosos e carreguem a velha tradição. Os blueberries são antigos mas seu uso continua a evoluir.


Elaborado por Tom J. Payne – tpayne@blueberrytech.org / Tradução e adaptação Katia Miura – kmiura@blueberrytech.org

2017 © USHBC
Todos os direitos reservados
USHBC – U.S. Highbush Blueberry Council