Notícias Manual completo de cultivo de blueberries

(O conteúdo deste artigo foi elaborado por www.inia.cl e revisado e reeditado por portalfruticola.com)

 INTRODUÇÃO

O alto custo de estabelecer uma plantação de blueberries (Vaccinium corymbosum) e o largo tempo de produção, requer um projeto que avalie vários fatores de vital importância para garantir o sucesso e resultados econômicos. E nisso deve-se incluir conhecimento das condições climáticas do lugar que se deseja projetar a plantação, a disponibilidade de mão de obra para o manejo e colheita, o conhecimento da superfície plantada nos arredores ou outras plantações frutíferas que possam competir no momento da colheita, etc. O projeto também deverá indicar as variedade que serão plantadas dependendo da finalidade da produção: somente para fresco ou com duplo propósito incluindo a possibilidade de congelar.

 

Variedades de blueberries no Chile, Argentina e Estados Unidos e sua sazonalidade:

12jan_manual de plantacao2

(Foto: Agroberries)

 

CONDIÇÕES CLIMÁTICAS REQUERIDAS PELO BLUEBERRY

Solo

O sistema radical do blueberry é composto principalmente por raízes finas e fibrosas que se concentram em 80% a 50 cm de profundidade do solo, isto é, muito próximo da superfície. Estas raízes fibrosas carecem de pelos radiculares e tem relativamente baixa capacidade de absorção. As raízes dos blueberries não são capazes de atravessar superfícies de solo compactas e requerem solo soltos e bem drenados, com bom conteúdo de matéria orgânica (3% a 5%). Entretanto, o agricultor pode realizar alguns esforços econômicos para estabelecer plantações em solos com maiores dificuldades de aeração e má condições, como é o caso de adição de covas na plantação e preparação dos camellones de 1 m de largura, 50 cm de altura e com bordas macias. Os blueberries crescem bem em solos com pH entre 4.4 e 5.5, apesar de que no Chile você encontra pomares crescendo bem com pH de 5.8 a 6.0. É recomendado realizar análises químicas do solo para conhecer os macro e micronutrientes, salinidade (condutividade elétrica), matéria orgânica e pH. Se o pH é alto, é imprescindível a determinação da quantidade de enxofre elementar necessário para garantir a acidez ideal. É preferível começar a aplicar o enxofre no ano anterior à plantação, incorporando-o superficialmente em toda a superfície a ser plantada.

Se não conseguiu acidificar o solo antes de plantar, deve-se misturar muito bem o enxofre elementar na terra que será removida da cova de plantação. O pH obtido no solo mantém acidificando a água de irrigação com ácido sulfúrico e ácido fosfórico, ou com as aplicações fertilizantes da reação ácida como o sulfato de amônio, fosfato monoamônico ou fosfato monopotássio. Em todo o caso, a acidez do solo deve ser verificada anualmente para garantir o desenvolvimento normal das plantas. Outro fator importante a ser considerado para o êxito da plantação é colocá-la em solos perenes sem ervas daninhas, realizando muito antecipadamente as aplicações de herbicidas recomendadas para o controle.

Durante a preparação do solo, deve-se eliminar os restos das ervas nocivas que possam ter ficado sobre ou abaixo da superfície. Para a plantação, selecionar solos descansados, com semeaduras anteriores de aveia ou trigo.

(Foto: Agroberries)

Clima 

Os blueberries crescem melhor em climas moderados. Dependendo da variedade, requerem entre 400 a 1200 horas de frio com limite de 7o C para cumprir o recesso de inverno. Uma vez que as plantas rompem o estado latente, ficam bastante sensíveis em baixas temperaturas. Para realizar uma correta eleição das variedades a ser plantada é necessário conhecer o período que ocorrem as geadas, de maneira que estes eventos não coincidam com o período da floração. A flor congela a -2o C, mas devido a superposição de estados fenológicos é considerado como temperatura crítica -0.6o C.

Verões nublados reduzem a qualidade da fruta e favorecem a propagação de fungos. Mas verões muito quente podem concentrar a colheita da fruta, diminuir o sabor e a firmeza, além de impedir uma colheita escalonada e oportuna. Os ventos fortes dominantes, especialmente nos primeiros anos da plantação, ocasionam o desenvolvimento de botões caídos, afetam a floração pela caída de flores e impedem a polinização por insetos, além disso, produzem a caída e dano mecânico da fruta deteriorando a qualidade final.

Água 

Devido as raízes superficiais, fibrosas e de pouca extensão, o blueberry é muito sensível ao déficit e excesso de água. Quando não se conhece a qualidade da água de irrigação, é recomendado realizar análise química para determinar o pH, sais solúveis (condutividade elétrica), e razão de absorção de sódio (RAS). Além disso, deverá tirar uma outra amostra de água para a análise microbiológica para garantir e demostrar que será irrigada com água de boa qualidade e limpa. Os sistemas de irrigação localizados permitem manter um nível adequado de humidade nos primeiros 15 a 20 cm de solo, onde se encontra grande parte das raízes. Além do sistema de irrigação de cultivo, nos lugares com risco de geadas de primavera, se utiliza irrigação por aspersão para seu controle.

 

PREPARAÇÃO DA PLANTAÇÃO

Seleção da Variedade

Para definir a variedade, deve-se considerar os seguintes aspectos:

  • Destino da produção: fresco, congelado, ou ambos
  • Adaptação climática do local: requerimentos de frio
  • Períodos de floração e colheita
  • Rendimento
  • Qualidade organoléptica do fruto: presença de sementes, cor, sabor, calibre e casca suave
  • Resistencia ao stress da planta às condições ambientais extremas
  • Vigor e resistência à doenças
  • Facilidade de colheita: casca firme, separação do pedículo da fruta
  • Boa condição de pós-colheita: cicatriz pequena, retenção da capa de pruína

 Plantação

A plantação pode ser realizada no outono ou início da primavera. Isso dependerá da disponibilidade das plantas e se os trabalhos de preparação do solo e instalação da irrigação estejam terminados.

  • Marcar o espaçamento entre as plantas 0.8 a 1 m
  • Em caso de usar plástico mulch ou malha anti-ervas, estes devem ser perfurados previamente a plantação
  • Fazer as covas antecipadamente à plantação, de cerca de 40 x 40 x 40 cm
  • Organize as plantas em sacos em frente a cova de plantação.
  • Ter todos os dosadores para medir as doses de inseticidas de controle de insetos do solo, fungicidas, fertilizantes recomendados segundo o resultado da análise química do solo. Misturar bem todos estes insumos com toda a terra que foi retirada da cova de plantação. É importante sempre usar luvas.
  • Romper cuidadosamente o saco com um corte longitudinal
  • Abrir a raiz das plantas delicadamente; colocar a planta com as raízes em forma horizontal ao solo na cova. A planta deve ficar enterrada de 2-3 cm mais profundo de quando estava no saco plástico. Isso porque o camellon tende a baixar e as raízes podem ficar expostas ao ar
  • Tapar suavemente ao redor da planta com a mão para eliminar o ar do solo, evitando a compactação e eliminação da porosidade resultante da preparação do solo
  • Irrigar por uns 3 dias antes do plantio na primavera
  • Colocar a linha de gotejamento de 5 a 10 cm da planta
  • Uma vez finalizada a plantação, reduza os botões para 1/3, além de eliminar os botões fracos
  • Ao plantar na primavera, a irrigação deverá ser suficiente para manter úmida a superfície ocupada pela raiz. Não gaste energia em excesso
  • É vantajoso cortar a grama na fila da plantação para evitar a presença de terra sobre a fruta.

12jan_manual de plantacao3

Para maior informação sobre o cultivo de blueberry, faça o download completo do Manual de Cultivo de Blueberry.

Fonte: www.inia.cl / Portal Frutícola


Categorias:

Curiosidades | Diversos | Produção

Exibir comentários +

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.