Notícias México: nova plantação de blueberry em Jalisco

Estão surgindo a cada dia novos agronegócios na região de Valles de Jalisco, no México,. As empresas Bloomberry Farms e Esquiberries Farms são os novos produtores na região e estão trabalhando em seu segundo ano com blueberries. O projeto começou como uma ideia em 2015 com a preocupação de três jovens, dois deles de terceira geração de família de agricultores, produtores de melão, melancia, pepino, abacate, mamão, limões.

Gonzalo Barragán da Bloomberry Farms comentou com Hugo Rangel Guzman, da AGRO21 que este projeto de investimento teve sua origem no potencial da região mexicana, já que veem oportunidades para fazer negócios rentáveis ​​que contribuam para o futuro agroalimentar do país. Depois de estudar alguns projetos no ramo, eles decidiram pelas berries. “Nós fomos convidados a participar de uma curso sobre berries, que foi uma grande ajuda para a decisão inicial sobre o estabelecimento como a escolha do local, variedades, substrato, padrão de plantio, manuseio agronômico”.

Depois de concluir o curso e confirmar o potencial das berries em campo, eles começaram a procurar terras que fossem adequadas para o cultivo. “Descobrimos que a região de Tala e Ahualulco tem um conjunto de fatores que o torna ideal para o desenvolvimento de nosso projeto”, afirmou. Eles prepararam seu plano de negócio e, como diz Gonzalo, “já estamos vivendo uma realidade, dirigindo o projeto desde semear, manipular, produzir e agora colher e embalar no campo para entregar aos consumidores um produto com a melhor qualidade.”

Pepe e Diego Esquivel, da Esquiberries Farms, disseram na palestra durante a visita que a AGRO21 fez às suas fazendas, que “é preciso a tomada de muitas decisões e estamos trabalhando nisso, administrando o projeto como uma verdadeira empresa, e com pessoas muito trabalhadoras. Administramos a fazenda através do controle de despesas e custos. Temos muitas responsabilidades tanto no campo quanto na administração”.

Como a demanda por essas berries está aumentando, a oferta não pode ser totalmente atendida, especialmente em certas épocas do ano. Embora a produção sul-americana como a do Chile e do Peru começa a cair no final de fevereiro, o México é a janela de fornecimento para o mercado norte-americano, mesmo sem considerar a forte demanda crescente por exemplo da China e dos países europeus.

O projeto inicial foi de 5,2 hectares em sete setores, depois de dezembro de 2017 tiveram um crescimento de 2,2 hectares em mais três setores e ainda está para plantar cerca de 10 hectares neste campo, dos quais 4 estão planejados para o final do ano. A etapa 1 começou em junho de 2017 e começou a dar frutos em dezembro, ou seja, 7 meses depois eles já estavam colhendo, surpresos que estão conseguindo superar a previsão de produção que tem para esta variedade Biloxi que é de 600 gramas por planta no primeiro ano, estima-se fechar cerca de 1,5 quilos por planta em seu primeiro ano.

Para o sucesso e controle da plantação, diz Pepe “temos assessoria técnica dos engenheiros da empresa Agriberries Asesores, especialistas em berries com 7 anos de experiência no ramo, que realizam visitas de campo de supervisão semanal nas quais fazem suas recomendações e as prescrições, entre outras, as aplicações de fungicidas, inseticidas e nutrição”.

Fonte: Fresh Plaza


Categorias:

Internacional | México

Exibir comentários +

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.