Notícias Nova embalagem mantém o bloom dos blueberries

A empresa StePac, localizada em Israel, desenvolveu uma tecnologia de embalagem a base de poliamida para os blueberries que diz garantir a frescura por mais tempo nas entregas em grandes distancias.

Segundo a empresa, isso resolve o desafio comum enfrentado pelo produtores e exportadores de países como o Chile e Peru que enviam a fruta para mercados distantes como a China.

StePac disse que os importadores chineses dão muita importância a aparência do “bloom” – a cera branca natural na superfície da fruta que a protege e reduz a evaporação. O segundo ponto mais importante para eles é o gosto e em terceiro lugar está a firmeza da fruta, afirma a empresa.

A embalagem é projetada para não apenas regular a composição do gás, mas também da umidade relativa, reduzindo o risco de acumulo de condensação.

De acordo com Gary Ward, Ph.D, Gerente de Desenvolvimento Técnico na StePac, os blueberries são geralmente embalados em polietileno com atmosfera modificada, o que minimiza a perda de peso devido a taxa muito baixa de transmissão de vapor de água (WVTR).

“É importante, mas a vantagem da perda de peso reduzida é compensada pela desvantagem de que a condensação inevitavelmente se formará e ficará presa na embalagem”, ele disse.

“Essa umidade é inimiga do bloom natural e provavelmente será lavada da superfície dos blueberries tornando menos atrativa aos olhos e de fato aumentará o risco de apodrecer”.

“A preservação do bloom natural é um parâmetro bem mais importante do que uma perda de peso ligeiramente menor. É um indicador de frescura e se traduz em preços mais altos para os blueberries no mercado chinês”.

Fonte: Fresh Fruit Portal


Categorias:

Internacional | Novidades

Exibir comentários +

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.